Projeto
GEOMETRIA SÓNICA

mai 2018 a mar 2019

PROJETO GEOMETRIA SÓNICA

maio 2018 a março 2019

/

O ARQUIPÉLAGO – Centro de Artes Contemporâneas, no âmbito da sua missão e serviço público, e a RTP, como operador de serviço público de Rádio e Televisão de Portugal, assinaram um protocolo que encerra uma parceria artística e cultural, no âmbito da criação de intervenções/objetos artísticos para a divulgação da Arte Contemporânea Portuguesa.

“Geometria Sónica” é um projeto, marcadamente, desenhado pela Residência Artística sustentada por uma Investigação através de um Património Audiovisual Único, que nos leva a uma Produção Artística Expositiva e Performativa. Os artistas do “Geometria Sónica” vão trabalhar a partir de um dos Grandes Arquivos Sonoros e Visuais do século XX de Portugal, o Arquivo Audiovisual DA RTP.

Nuno Faria e Nicolau Tudela são os curadores deste projeto, selecionando para o mesmo, artistas portugueses e estrangeiros, cujas obras e pesquisas incorporam o som, como material, ou como estrutura conceptual: Francisco Janes, Jonathan Uliel Saldanha, Laetitia Morais, Manon Harrois, Mariana Caló e Francisco Queimadela, Miguel Leal, Mike Cooter, Pedro Tropa, Pedro Tudela, Ricardo Jacinto, Sara Bichão e Tomás Cunha Ferreira.

Segundo o curador Nuno Faria, este “é um projeto que articula som e imagem, arquivo (documentação sonora e visual e experiência do lugar), residência, colaboração, investigação, exposição e performance.”, que ocupará todos os espaços do Arquipélago, nomeadamente a Blackbox, as residências artísticas, as células e as salas expositivas.”

O projeto “Geometria Sónica” arranca com a “Exposição – Índice” e terá, ainda, mais três ciclos expositivos, resultantes das Residências Artísticas que decorrerão ao longo do ano.

/

NOTAS BIOGRÁFICAS

Nuno Faria (Lisboa, 1971)

Curador. Atualmente é diretor artístico do CIAJG – Centro Internacional das Artes José de Guimarães.

Entre 1997-2003 e 2003-2009 trabalhou no Instituto de Arte Contemporânea e na Fundação Calouste Gulbenkian, respetivamente. Viveu e trabalhou no Algarve entre 2007 e 2012 onde, entre outros projetos, fundou (em Loulé, em 2009) o projeto Mobilehome – Escola de Arte Nómada, Experimental e Independente.

É professor na ESAD – Escola de Artes e Design das Caldas da Rainha.

Nicolau Tudela (Viseu, 1961)

Diretor de Arte e Responsável da Área de Grafismo RTP – Rádio Televisão de Portugal.

Licenciado em Artes Plásticas-Pintura (FBAUL, Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa).

Entre vários trabalhos gráficos e audiovisuais, é o autor da ideia e da imagem para o Eurovision Song Contest (ESC Lisbon 2018).

Curador para “rebrand da imagem RTP 1”, trabalhos em conjunto com Artistas: Vhils, João Paulo Feliciano e mais recentemente Fernanda Fragateiro, e autores musicais, Bruno Pernadas, e Noiserv.

Formador na área criativa e grafismo em Timor Lorosae (RTTL – Rádio e Televisão Timor Lorosae), e Moçambique, para a TVM (Televisão Nacional de Moçambique). (2010, 2011, 2012, 2013).

É Professor Adjunto Convidado Instituto Politécnico (ESEV – Escola Superior de Educação), Viseu.

Expõe regularmente desde 1982.

De 1980 1985, Bolseiro de Estudo da Fundação Calouste Gulbenkian.

Voltar à Programação